Usa Wi-Fi o tempo todo? Então, proteja seu celular!

Enviado por: Redação gameLib
12/09/2016 14:02:43 0 / 0

O Brasil é o país em que a população passa mais tempo na internet, com média de cinco horas por dia em computadores e quase quatro em dispositivos móveis, segundo estudo da We Are Social. Todo esse tempo de uso está atrelado, principalmente, ao acesso às redes Wi-Fi, que oferece maior economia e velocidade. De olho nesse comportamento, hackers estão cada vez mais atentos às redes de internet públicas que, por serem abertas, facilitam a captura de dados de usuários.

A empresa de segurança PSafe, pensando nisso, elaborou um pequeno guia de boas práticas para alertar para o fato de que, quando a rede Wi-Fi é aberta, todos os aparelhos que estão conectados nela ficam vulneráveis, permitindo que pessoas mal-intencionadas possam acessar os dados de navegação dos usuários e capturar arquivos pessoais e de trabalho, fotos íntimas e até mesmo senhas.

Outro ponto de atenção é que a captura de dados pessoais por meio de intervenção em redes Wi-Fi não exige amplo conhecimento técnico, fazendo com que esse tipo de ataque seja cada vez mais frequente.

Veja a seguir as dicas da PSafe que podem ajudá-lo a manter a sua rede segura e garantir a privacidade de seus dados.


Esteja com o sistema operacional do celular atualizado

Manter o sistema operacional do celular sempre atualizado é extremamente importante. Isso porque os desenvolvedores constantemente consertam as falhas de segurança existentes na versão anterior e, com isso, dificultam o ataque externo de hackers. Para fazer um update da plataforma, basta seguir os seguintes passos: Configurar > Sobre o telefone > Atualização do sistema.


Tenha cautela ao utilizar redes abertas

Redes Wi-Fi que não solicitam senhas são as mais visadas por hackers. Por isso, é aconselhável utilizar apenas redes com senhas, que ofereçam algum tipo de criptografia de dados. Se a necessidade de conectar em redes públicas for frequente, a solução é contratar um serviço confiável de VPN. O VPN atua como uma “ponte” que conecta o dispositivo do usuário a uma rede estrangeira, impedindo que o hacker tenha acesso às informações do aparelho. No entanto, isso só é possível se o usuário optar por uma VPN que seja reconhecida como segura. Caso contrário, há o risco de vazamento de dados.


Antivírus é fundamental

Um “cérebro biológico” não é capaz de se defender de um “cérebro eletrônico”. Por isso, apenas boas práticas online não são suficientes para fornecer proteção de seus dados. A solução é ter um antivírus no celular para adicionar uma barreira de segurança extra e garantir a sua privacidade. O app gratuito PSafe Total, por exemplo, permite que você avalie previamente se a rede Wi-Fi que está acessando é segura ou não. Além disso, conta com funções que avaliam a conectividade do Wi-Fi e velocidade de download, testando a confiabilidade e qualidade da rede.


Tenha cuidado com seu roteador

Nunca mantenha a senha padrão oferecida no aparelho roteador. Além disso, se a senha do seu Wi-Fi já foi compartilhada com outras pessoas, lembre-se de trocá-la com frequência. Para isso, basta acessar as configurações do aparelho, escolher a opção wireless e alterar a senha.


Use senhas fortes

“Quanto mais caracteres são inseridos em uma senha, mais tempo um hacker vai demorar para tentar derrubar essa barreira”, alerta Marco DeMello, CEO da PSafe. Uma senha segura deve ter pelo menos 10 dígitos e misturar letras maiúsculas, minúsculas, caracteres especiais e números. Lembre-se de nunca utilizar datas de aniversários, nome de familiares ou qualquer outro dado que seja de fácil acesso ou conhecimento para o hacker.


Navegue com atenção

A correria do dia-a-dia muitas vezes não nos deixa perceber alterações em páginas que costumamos acessar. Por isso é importante ficar atento a qualquer comportamento estranho durante o acesso, principalmente, a sites bancários, a links recebidos por e-mail e solicitações de informações confidenciais para autenticação. Se entrar nesses sites por meio de uma rede Wi-Fi aberta, a atenção deve ser redobrada, já que o endereço pode estar comprometido no Wi-Fi, realizando um redirecionado para uma página falsa.

VEJA TAMBÉM:

>>> [Pokémon Go] Dicas para encontrar redes Wi-Fi grátis

BETA
Comente pelo facebook
Clique aqui para comentar pelo sistema do gameLib
Leia também
11/01/2017 16:29:38 0 / 0
Top Games
Estamos no Facebook