Review - "Prince of Persia: The Forgotten Sands"

Por: Troqui
Prince of Persia: The Forgotten Sands | 03/02/2011 10:34:52 0 / 0

O Príncipe está de volta mais letal do que nunca.

"The Forgotten Sands é a sequência oficial da série "Prince of Persia" criada há 21 anos por Jordan Mechner, na época, apenas mais um louco desenvolvedor tentando ganhar seu espaço na indústria. Mal sabia ele que, duas décadas depois, sua produção seria uma das principais dos videogames, fazendo milhões e milhões de dólares e fãs ao longo dos anos.

Em 2010 o príncipe volta para tentar recuperar seu trono, ameaçado com os recentes "fracassos" dos últimos títulos. Não que eles tenham sido jogos ruins, mas a verdade é que, depois de "The Sands of Time", a série perdeu a sua originalidade. Nem história, muito menos jogabilidade agradavam aos fãs, pelo menos até agora.

"The Forgotten Sands" escreve um novo capítulo nessa saga. Na verdade, o game é um interlúdio que se encaixa no intervalo de sete anos entre "The Sands of Time" e "Warrior Whitin", contando a história de Prince em busca de seu irmão Malik, o Rei da Pérsia. Sob ataque, Malik invoca o Solomon's Army se tornando uma ameaça ainda maior para seu reino. Prince vai se aventurar pelos castelos da Pérsia para salvar seu irmão e seu reino.

O novo "PoP" tenta unir o melhor de seu universo. Prince pode controlar a água e voltar no tempo como em "Sands of Time", ao mesmo tempo em que trava batalhas sangrentas com criaturas malignas espalhadas pelo lugar.

A primeira grande mudança percebida pelo jogador, com certeza, será os combates. Prince terá muito trabalho com sua espada e os milhares de inimigos espalhados pelos cenários. Ao estilo de "God of War", Prince executa combos e pode melhorar suas habilidades conforme vai ganhando experiência nas batalhas. Infelizmente, o game só traz duas armas, não sendo possível desenvolvê-las ou ainda trocá-las durante o combate. Outro ponto negativo é que os combates não oferecem desafio ao jogador, sendo necessário apertar apenas um botão seguidamente para que o personagem execute suas ações. Os inimigos são bem repetitivos e previsíveis, aumentando ainda mais a sensação de facilidade.

No entanto, quando o assunto é jogabilidade, "The Forgotten Sands" dá um banho em seus antecessores. Os desafios de habilidade estão muito mais complexos e divertidos e, mesmo assim, não impossíveis. Correr pelas paredes, pular muros gigantescos, deslizar pelas bandeiras, tudo o que os títulos anteriores já ofereciam, aliado aos "novos" poderes de congelar a água e completar as peças que estão faltando no cenário. Falando assim até parece que passar pelas armadilhas, inimigos e crateras é fácil. O jogo requer aprendizado para avançar. Cada novo movimento aprendido é utilizado junto com outro novo, ou seja, não se surpreenda se tiver que voltar no tempo mais de uma vez. O problema é que na última escalada (nome do último capítulo do game) a dificuldade aumenta e muito. O príncipe, que antes estava acostumado a escalar as paredes da Pérsia de forma tranquila e pouco segura, agora tem de fazer tudo isso em um ritmo frenético e ainda quebrar a cabeça para descobrir as combinações certas de comandos.

Por falar em voltar no tempo, Prince pode morrer, afinal, esta habilidade é limitada. Existem quatro pedras azuis abaixo da indicação de vida de Prince. Elas representam os seus poderes mágicos, ou seja, se você tiver somente duas pedras azuis, só poderá voltar no tempo duas vezes antes de achar mais pedras espalhadas pelos vasos dos cenários. Mas não se preocupe, em geral é bem fácil achar as tais pedras. Para aumentar ainda mais o arsenal do jogador, Prince pode aprender novos poderes, como formar pequenos círculos flamejantes por onde pisa, infligindo danos aos inimigos. Também é possível melhorar esses poderes comprando upgrades conforme for ganhando experiência.

Gosta dos gráficos de "Assassin's Creed"? Então vai adorar os de "Prince of Persia: The Forgotten Sands". O jogo é feito na mesma engine que tornou o game de Altair um grande sucesso, então espere por efeitos de iluminação e reflexo magníficos. Outro destaque é a água do mundo de "PoP", bem realista e muito bem trabalhada. Os cenários são enormes, parecidos com os de "God of War III", uma referência nos jogos de ação.

O ponto alto do game é a sua cena inicial, feita em CG. As feições dos personagens são simplesmente fantásticas! Nível "Final Fantasy". No entanto, durante todo o jogo, essa foi a única cena deste tipo vista. Uma pena.

Apesar de ser um bom jogo, "PoP The Forgotten Sands" deixa a desejar no quesito história. A Ubisoft parece valer-se somente das histórias anteriores e deixar o enredo de lado no novo game. Salvar seu irmão é o único objetivo de Prince. Não existe nenhuma princesa, sequer um rei. O game poderia ter sido bem melhor aproveitado com mais elementos, mesmo se fossem só "para encher linguiça". Vide o filme recém-lançado nos cinemas: a história não tem nada a ver com o game, mas, mesmo assim, agrada até aos mais exigentes fãs da série.

Além de tudo isso, o final é uma decepção. Sete horas de jogo para três minutos de encerramento? Você só pode estar brincado... O final é curto e previsível, não acrescentando valor algum para a trama. Uma história dessas poderia facilmente ser um spin-off, ou seja, algum título lançado para o PSP ou o DS que ninguém daria bola. Agora, para um lançamento de console tão badalado, espera-se mais.

Conclusão
Houve uma melhora significativa na série, isso sem dúvida. O problema é que os próprios desenvolvedores parecem que não botaram fé no próprio projeto, lançando um game "meia boca". De fato, para quem gosta de aventura e não se preocupa com história, "PoP: The Forgotten Sands" é um bom jogo, mas, principalmente para os fãs que esperaram tanto pelo game, a nova aventura do príncipe vai deixar a desejar.

Mas, fazer o quê?! Fã é fã, não é?

BETA
Comente pelo facebook
Clique aqui para comentar pelo sistema do gameLib
Leia também
Por: Troqui
Prince of Persia: The Forgotten Sands | PC | Playstation 3 | Xbox 360 | 15/03/2011 16:23:17 0 / 0
Ficha técnica
Gênero:
Adventure
Lançamento:
18/05/2010
Desenvolvedor:
Ubisoft Montreal
Distribuidor:
Ubisoft
Plataforma(s):
DSWiiPSPPS3360PC
Mais um game do príncipe mais radical do mundo. The Forgotten Sands marca a sequência do bem sucedido Sands of Time e promete resgatar a franquia do esquecimento.
7.5
8.0
Estamos no Facebook